Alentejo registou a maior quebra no desemprego do país, em Março

O Alentejo foi a região do País em que a descida do desemprego foi mais acentuada no mês de Março, tendo em conta o mesmo período do ano passado.

De acordo com os dados do Instituto de Emprego e Formação Profissional, a região Alentejo registou uma quebra de 17,7%, comparando com o mesmo período de 2019, a seguir ao Alentejo aparece a região Norte (-17%) e Lisboa e Vale do Tejo (-16,4%).

De acordo com os dados do Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), em Março havia menos 59.559 pessoas sem trabalho do que no mesmo mês de 2018.

Entre os desempregados inscritos com menos de 25 anos, o IEFP registou em Março 35.207 casos, o que corresponde a menos 7.052 do que o número contabilizado em Março de 2018.