Alentejo: Foi assinado o contrato do projeto “Guardiões”, que ajudará a compreender as alterações climáticas

Fórum Energia e Clima

Decorreu, esta terça-feira (20 de abril) a assinatura do contrato do projeto “Guardiões”, cujos promotores são o Politécnico de Portalegre, o Fórum da Energia e Clima e a CCDR Alentejo.

Uma cerimónia que contou com a presença de várias entidades, nomeadamente, o presidente do Instituto Politécnico de Portalegre, Albano Silva, o presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo, António Ceia da Silva, o presidente do Fórum Energia e Clima, Ricardo Campos, o coordenador do projeto Guardiões, Luís Loures, bem como p presidente da CIMAA, Hugo Hilário e ainda o Deputado, Luís Moreira Testa.

Trata-se de um projeto com um financiamento global de aproximadamente 2,4 milhões de euros, e tem objetivos promover a compreensão do fenómeno das alterações climáticas e potenciar o desenvolvimento das melhores soluções aplicáveis à região do Alentejo, capazes de contribuir para o aumento da resiliência aos impactes decorrentes das alterações climáticas.

Durante a execução do projeto, este território funcionará como laboratório vivo e banco de ensaio das medidas preconizadas.

Para estes desígnios, será constituída uma equipa de trabalho multidisciplinar, composta por especialistas em alterações climáticas e políticas ambientais, pedagogos, arquitetos, arquitetos paisagistas, engenheiros do ambiente, engenheiros informáticos, economistas, etc.

Uma das componentes do projeto é a sensibilização da sociedade civil para a temática das alterações climáticas. Com esta finalidade está previsto um conjunto de ações, entre as quais a realização de conferências de abrangência global, com a intervenção de especialistas nacionais e internacionais.

Fique de seguida com as imagens desta cerimónia numa reportagem de Hugo Calado: