Alandroal: Assinado o auto de consignação da obra, de 5M€, que restaurará a Fortaleza de Juromenha

Assinatura em Juromenha

As obras de consolidação e restauro de grande parte da fortaleza de Juromenha (Alandroal) vão inicia-se em breve.

Decorreu, esta quarta-feira (1 de setembro) a assinatura do auto de consignação da empreitada de Consolidação e Restauro dos Paramentos do Perímetro Abaluartado Exterior e Cerca Islâmica e Medieval Interior da Fortaleza de Juromenha.

Um ato que contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Alandroal, João Grilo, a diretora Regional de Cultura do Alentejo, o presidente da Comissão de Coordenação e desenvolvimento Regional do Alentejo, António Ceia da Silva, os projetistas e ainda o representante da empresa HCI Construções.

A empreitada terá uma duração de 24 meses e prevê-se que o arranque das obras ocorra muito em breve.

O valor de adjudicação foi de 4.024.332,40€ e o município estima que o valor total de investimento, considerando o projeto técnico de execução, a sua revisão, encargos com fiscalização da obra, acompanhamento arqueológico e revisão de preços se encontre muito próximo dos 5 milhões de euros.

A obra está financiada a 75% por fundos comunitários do Alentejo 2020 e o município conta com um empréstimo BEI e outros fundos próprios para assegurar a contrapartida nacional.

Em paralelo, decorre um processo REVIVE para concessão de espaço no interior da fortaleza para o desenvolvimento de projetos privados, sem comprometer a natureza pública do imóvel.

Fique de seguida com as imagens desta cerimónia, numa reportagem de Hugo Calado: